UA-63513604-1
Home
Pedidos On-line
ABRASIVOS
PRODUTOS P/POLIMENTO
MOTOR PARA AFIAÇÃO
INFORMAÇÕES TÉCNICAS
ESPECIFICAÇÕES
PERFIS E FORMATOS
NORMAS P/ PEDIDOS
APLICAÇÕES
ARMAZENAMENTO
CÁLCULO DE VELOCIDADE
CUIDADOS PARA USO
RODAS EXPANSIVAS
POLIMENTO DE AÇOS
POLIMENTO DE VIDROS
DIAMANTADOS E CBN
INSPEÇÕES  TÉCNICAS
TIPOS DE RETÍFICAS
ACESSÓRIOS P/RETIFICAS
RÉGUAS P/ RETIFICAS
TABELA DE VELOCIDADE
PROMOÇÕES E OFERTAS
DISPOSITIVOS
DESENVOLVIMENTO
CONTATO
Blog
Livro de visitas/Fórum
FAQ
   
 


01- Escolha o rebolo adequado para cada operação;
02- Faça o teste de som e examine o rebolo visualmente;
03- Certifique-se que o rebolo não está trincado;
04- Nunca exceda a velocidade estabelecida pelo rebolo;
05- Não altere o furo do rebolo e não force-o sobre o eixo;
06- Use flanges de diâmetro iguais, com no mínimo 1/3 do diâmetro do rebolo e sempre limpas e paralelas;
07- Na montagem utilize os rótulos entre a flange e o rebolo. Estes não devem ser alterados;
08- O aperto para fixação da flange deve ser somente o necessário para segurar firmemente o rebolo;
09- Use sempre óculos de segurança;
10- Ajuste a capa de proteção antes de ligar a máquina;
11- Ajuste o apoio da peça no centro do rebolo deixando-o com folga de 2 m/m. Este ajuste deverá ser renovado constantemente;
12- Ao ligar a máquina deixe o rebolo girar livremente durante 2 minutos;
13- Ao ligar a máquina nunca se coloque em frente do rebolo;
14- Faça contato suave entre a peça e o rebolo evitando impactos;
15- Faça dressagem periodicamente ou assim que o rebolo estiver empastado;
16- O empastamento provoca super aquecimento e possível quebra;
17- Desligue o refrigerante antes de desligar a máquina para evitar desbalanceamento do rebolo;
18- Em caso de rebolo reto nunca usá-lo nas laterais;
19- Nunca force a peça sobre o rebolo ou o rebolo sobre a peça, ao perceber aquecimento ou alteração de velocidade da máquina, verifique o que está acontecendo;
20- Ao colocar um novo rebolo lembre-se de voltar a velocidade inicial (quando a máquina é equipada com variador de velocidade)

- Essas regras estão baseadas nas normas de segurança da ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas -NB-33.
- É de responsabilidade do usuário o conhecimento e o uso dos rebolos, conforme as normas de segurança.

DISCOS DE CORTE

São utilizados em máquinas policorte ou portáteis. Trabalham em alta velocidade proporcionando excelente execução de cortes, possuem telas de reforço que oferecem a resistência do produto. Devem trabalhar a 90 graus com relação à peça obra. Principais aplicações:

DISCOS DE DESBASTE

São utilizados em máquinas portáteis tipo esmerilhadeira angular. Removem grande quantidade de material. Possuem telas de fibra de vidro para reforço durante a operação. Devem trabalhar de 30 a 45 graus com relação à peça obra.

MONTAGEM

Efetue inspeção no disco antes de montá-lo, não utilize um disco que apresente algum defeito, principalmente trincas, lascas, empenamento, etc .
Monte o disco somente em equipamentos especificados e projetados para seu uso.
Nunca utilize discos de corte em operações de desbaste, os discos de corte possuem telas de reforço laterais e nas operações de desbaste estes podem se romper.
Discos de corte devem ser montados com flanges de diâmetros e área de contato idênticas. O diâmetro mínimo das flanges deve ser de ¼ do diâmetro do disco.
Nunca force a montagem de um disco no eixo da máquina, verifique também se há folga excessiva, se houver não use o disco.
Use sempre equipamentos de proteção individual e capa de proteção na máquina.

Importante

. Faça o teste do som antes de colocar o rebolo no eixo da máquina, para descobrir eventuais trincas ocasionadas pelo transporte.

. Não force os rebolos nos eixos.

. Use flanges escavadas (com rebaixos) e não as aperte demais.

. Use sempre capa protetora na máquina, de acordo com as normas (capas reajustáveis).

. Deixe ligada a máquina a toda velocidade, não excessiva para o diâmetro do rebolo, durante 5 minutos antes de começar a usar o novo rebolo.

. Reajuste o apoio (suporte guia) perto do rebolo, de acordo com o desgaste do rebolo.

. Mantenha os rebolos retificados.

. Mantenha a esmerilhadeira em boas condições (rolamentos) e numa base sólida a fim de evitar vibrações.

. Use rebolos de dureza adequada.

10º . Evite pancadas contra o rebolo, como também a excessiva pressão contra o mesmo.